quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

Cuidados com a Horta em Tempos de Chuva

Já perceberam que em tempos de chuva é mais difícil encontrar verduras bonitas na feira ou mercado? Quando não são cultivadas em estufas, as plantas sofrem com o excesso de chuva, pois o exagero de água pode ser tão prejudicial as hortaliças quanto a falta de regas. 
O acúmulo de água enfraquece o solo diminuindo seus nutrientes. Chuvas fortes também ocasionam erosões, desnudam as raízes das hortaliças e provocam a perda de mudas pequenas. As folhas ficam amareladas, os caules escurecem e seu crescimento é prejudicado.
Sálvia em vaso com excesso de água
Em hortas urbanas o espaço é limitado, logo ter uma estufa ou ambiente climatizado para as hortaliças não é muito viável. O que fazer, então, com suas plantas quando há excesso de chuvas?
Para se ter uma horta produtiva durante todas as estações é preciso disciplina e trabalho e, em primeiro lugar, planejamento. Se em sua cidade há longos períodos de seca e de chuva, como é aqui no MT, o ideal é que você opte por uma "horta móvel", ou seja, que a maioria de suas hortaliças, pelo menos as menores ou que não aguentam o excesso de água, sejam plantadas em vasos, bacias, baldes ou cochos que possam ser carregados para uma área seca em dias de muita chuva.
Com exceção do boldo, que é um arbusto grande, e do guaco, que é uma trepadeira, todas as minhas ervas e demais hortaliças são plantadas em vasilhames como os citados acima. Hoje o mercado oferece uma infinidade de opções para facilitar a montagem de uma horta urbana funcional.
Tomateiro plantado em balde rachado
Você pode usar a imaginação e reaproveitar bacias rachadas, baldes furados, etc. Pode pendurar vasos nas paredes, acomodar bacias sobre pedras, floreiras nas janelas...Reciclagem e criatividade tornam o processo mais divertido.
Caso você não tenha em casa uma área coberta para abrigar suas plantas durante os longos períodos de chuva, há a opção de cobrir a horta com um toldo de lona improvisado. Mas a ideia da Horta Urbana é agregar beleza ao seu espaço, e cá entre nós, um toldo de lona não é algo para se parar e admirar.
A terra argilosa deve ser evitada em tempos de chuva. Opte pela terra arenosa, ou substrato, pois a drenagem é mais rápida. O cultivo de certas plantas que não suportam muita água e pouco sol (como é o caso do tomate) não é recomendável nesta época. Opte por raízes (beterraba, cenoura, batata)
ou  folhas (alface, rúcula...)
A parte boa é que os dias de chuva excessiva são poucos, e logo sua horta poderá voltar a rotina de um lugar fixo.